[TGS – 2010] Phantasy Star Online 2 é anunciado para PC


A TGS 2010 continua a todo vapor. Depois de pequenas surpresas, como o anúncio de cinco novos games da Microsoft para o mercado japonês e o lançamento de “The Last Guardian” para PS3, a Sega divulgou o lançamento de Phantasy Star Online 2, para PC.

O título está previsto para 2011 e essa foi a única informação divulgada pela produtora japonesa. Vamos aguardar!

http://blip.tv/play/AYH9iEEC

[TGS – 2010] Novo game da Platinum é destaque no evento


Como não poderia deixar de ser, Vanquish, elaborado pela Patinum Games e dsitribuído pela Sega, teve um bom destaque na TGS. Depois do sucesso de Bayonetta, a expectativa gerada em torno do título é muito grande, afinal, por tudo aquilo mostrado até o momento Vanquish  será, certamente, um dos grandes jogos da geração atual.

O game de tiro em 3ª pessoa e ação frenética, será lançado para PS3 e Xbox 360 no dia 19 de outubro. Vale a pena aguardar!!

http://www.youtube.com/v/PDDmMGvVUvs?fs=1&hl=pt_BR&rel=0

[Análise] Bayonetta: Um novo patamar para os jogos de ação


Primeiras impressões:

“É quase impossível parar de jogar. Assumir o controle da personagem principal é fantástico. Desde o início do game, a interação e a aproximação feita com o cinema empolgam. O modo com que a história é relatada condiz com tudo aquilo que li sobre o título. A sensação de imersão é incrível. Em poucos minutos somos parte integrante desse mundo criado pela Platinum Games…”

Análise final

A diferença entre a narrativa dos jogos e do cinema, muitas vezes, está numa linha tênue. As possibilidades nas resoluções do roteiro podem perpetuar um direcionamento interessante na história em si. A escolha dos personagens e a forma de apresentação de cada um deles é o que alimenta a curiosidade de quem assiste e o insight de continuar ou não acompanhando o que foi proposto.

Continue lendo

Os erros do Activator podem inspirar os acertos do Project Natal


Dizem que os “olhos do dono que engordam o boi”. Essa máxima é seguida a risca por Peter Molyneux, uma das mentes que está por trás do Project Natal. Aliás, promover o novo controle é uma especialidade desse sujeito que conquistou a notoriedade na indústria dos games através das suas boas ideias.

Recentemente o desenvolvedor britânico afirmou que o PN é tão revolucionário quanto o Mouse foi para os computadores. “O mouse foi a verdadeira revolução do PC – e não o processador Intel – Ele obriga-nos a uma abordagem da tecnologia de uma forma completamente diferente. Antes do mouse, só tínhamos o teclado … um pequeno dispositivo de 100 gramas mudou tudo sobre informática, e o Natal pode ser uma grande mudança “, afirmou em entrevista ao site Gamereactor.

Continue lendo